Os 39 Degraus: The Thirty-Nine Steps
Os 39 Degraus: The Thirty-Nine Steps
Autor
John Buchan
Tradução e notas
Doris Goettems
Adaptação
***************
Ilustrador
***************
Idioma
Português-Inglês
Lançamento
09/2015
Acabamento
Capa Dura
Formato
16cm x 23cm
Páginas
168
Peso
308 g
ISBN - Livros
ISBN 9788580700527
ISBN - Digital
ISBN 9788580700534
Compre Agora

Versão Física
Versão digital
Sinopse
No centenário de sua publicação, a Editora Landmark lança um dos mais eletrizantes thrillers de ação e espionagem do século XX.

Richard Hannay, engenheiro de minas sul-africano e herói da guerra, vê-se involuntariamente envolvido numa complicada história em que os incidentes desafiam as probabilidades e se desenrolam ao longo dos limites do possível.

A história se passa em Londres e acompanha as desventuras de Richard Hannay tenta espantar o tédio levando uma vida de playboy, até conhecer um vizinho misterioso com uma informação bombástica: haverá um assassinato político na cidade capaz de jogar toda a Europa em um conflito sem precedentes. Essa informação muda o rumo da vida do personagem principal e quando um homem aparece morto em sua sala de visitas, Hannay se engaja no combate às forças hostis, na verdade uma organização alemã terrorista, mergulhando-o em uma aventura repleta de pistas falsas, vilões traiçoeiros e reviravoltas.

O febril thriller, publicado em 1915, trocou o estilo descritivo e cerebral das histórias de Sherlock Holmes pela narrativa enxuta e ágil que iria influenciar as tramas de suspense do cinema e os livros protagonizados pelo mais famoso agente secreto, James Bond. O romance é tão ágil e cheio de reviravoltas que foi adaptado pelo mestre do suspense Alfred Hitchcock em 1935, sendo considerado como um dos melhores filmes de ação de seu período inglês e um dos quatro melhores filmes do século XX pelo British Film Institute. Os elementos existentes na obra de John Buchan seriam largamente explorados por Hitchcock como as reviravoltas na trama e a necessidade de um homem inocente tendo que fugir para preservar sua vida, elementos também vistos em vários outros de seus filmes, como Intriga Internacional.

Com a publicação de “OS 39 DEGRAUS: THE THIRTY-NINE STEPS”, John Buchan (1875-1940) firmou-se como um dos melhores autores de obras de suspense de todos os tempos, apresentando um herói atrevido, o inesgotável fascínio das teorias conspiratórias e profetizando as tramas políticas que lançariam toda a Europa em um dos mais sangrentos conflitos armados do século XX: a Primeira Guerra Mundial.

Conheça mais sobre John Buchan


John Buchan, 1º Barão Tweedsmuir (1875-1940), foi um romancista escocês, mais conhecido pelo seu romance "Os 39 Degraus". Buchan iniciou sua carreira como advogado em 1901, mas quase imediatamente partiu para a política, sendo nomeado secretário privado do administrador das colônias britânicas Alfred Milner, alto comissário para África do Sul e governador da Colônia do Cabo. Buchan viria a adquirir larga experiência com as regiões que povoariam a sua produção literária.

Durante a Primeira Guerra Mundial, escreveu para o Departamento de Propaganda de Guerra e foi correspondente para o jornal The Times, em França. Em 1915, publicou seu livro mais famoso, "Os 39 Degraus" (The Thirty-Nine Steps), um thriller de espionagem ambientado justamente antes do começo da Primeira Guerra Mundial, no qual aparece seu herói Richard Hannay, baseado em um amigo de sua época na África do Sul, Edmund Ironside. No ano seguinte, publicou uma continuação, "Greenmantle". Depois da guerra, começou também a escrever sobre temas históricos sem contudo abandonar os thrillers e novelas históricas. Sua produção literária inclui cerca de 30 novelas e sete coleções de relatos. Também escreveu biografias, mas seus livros mais conhecidos são os thrillers de espionagem e provavelmente são por estes que atualmente é mais celebrado. Em 1935, foi nomeado governador-geral do Canadá e recebe o título de Barão Tweedsmuir de Elsfield. Buchan continuou escrevendo inclusive depois de sua nomeação e seus livros posteriores incluem novelas, histórias e suas crônicas sobre o Canadá. Além disso, escreveu uma autobiografia, "Memory Hold-the-Door", ainda como governador-geral, e que viria a ser o livro favorito do presidente John F. Kennedy. Sendo um narrador extremamente atraente, o tempo tratou bem a sua produção literária e sua popularidade está experimentando um amplo ressurgimento nos dias de hoje.

Ao se barbear em 6 de fevereiro de 1940, sofreu um acidente vascular, ferindo-se gravemente na cabeça durante a queda. Viria a falecer cinco dias depois.



Do mesmo autor



EDITORA LANDMARK LTDA.
Rua Alfredo Pujol, 285 - 12º andar - Santana - 02017-010 – São Paulo - SP - Brasil
Tel.: +55 (11) 2711 2566 / 2950 9095

editora@editoralandmark.com.br