O Retrato de Dorian Gray : The Picture of Dorian Gray


   Edição Comentada Bilíngue de Luxo em Capa Dura
 
 
Oscar Wilde, um dos maiores nomes da literatura do século XIX, publicou inicialmente O RETRATO DE DORIAN GRAY no periódico norte-americano Lippincott’s Monthly Magazine, em 20 de junho de 1890. Esta versão original é o lançamento que a EDITORA LANDMARK promove junto aos seus leitores, em uma edição bilíngue comentada com os 13 capítulos originais publicados pela revista norte-americana, sem as alterações posteriores de 1891, que a editora inglesa Ward, Lock and Company exigiu para lançá-lo no mercado britânico. Essas exigências e modificações viriam suavizar a trama, abrandando a influência negativa de lorde Henry e moderando o relacionamento de Gray com os demais personagens, constituindo assim uma segunda versão mais amena.

Dorian Gray é um belo e ingênuo rapaz retratado pelo artista Basil Hallward em uma pintura. Mais do que um mero modelo, Dorian Gray torna-se a verdadeira inspiração para Basil. Devido ao fato de todo seu íntimo estar exposto em sua obra prima, Basil não divulga a pintura e decide presentear Dorian Gray com o quadro. Com a convivência de lorde Henry Wotton, um cínico e hedonista aristocrata muito amigo de Basil, Dorian Gray é seduzido ao mundo da beleza e dos prazeres imediatos e irresponsáveis, espírito que foi intensificado após, finalmente, conferir seu retrato pronto e apaixonar-se por si mesmo.

A partir de então, o aprendiz Dorian Gray supera seu mestre e cada vez mais se entrega à superficialidade e ao egoísmo. O belo rapaz, ao contrário da natureza humana, misteriosamente preserva seus sinais físicos de juventude enquanto os demais envelhecem e sofrem com as marcas da idade. O desfecho da história é surpreendente, cujo segredo está n’O RETRATO DE DORIAN GRAY. O clássico despertou grande polêmica na Inglaterra vitoriana pelo comportamento indiferente, pelo Esteticismo como principal tema e pela dualidade do personagem principal, hedonista e conservador, que frequenta tranquilamente reuniões da alta sociedade inglesa após cometer seus crimes.

A história já foi adaptada 21 vezes para o cinema, sendo a primeira em 1910 e a mais recente em 2009, dirigida por Oliver Parker e estrelada por Ben Barnes (As Crônicas de Nárnia) e o vencedor do Oscar de Melhor Ator em 2011 Colin Firth (O Discurso do Rei). Recebeu ainda 15 adaptações para teatro e uma adaptação para ópera, de autoria do compositor norte-americano Lowell Liebermann, em 1996.

A nova edição de luxo comentada e bilíngue, com nova tradução de Doris Goettems, e com lançamento simultâneo em livro digital ePUB, lançada pela EDITORA LANDMARK resgata a obra em sua forma original e oferece ao público a versão de 1890, mais densa, explícita e polêmica do romance de Oscar Wilde.

   Onde Comprar

 

   Autor

 

   Ficha Técnica

Editora Landmark
Livraria da Folha
Amazon.com.br
FNAC
Livraria Cultura
Livraria Saraiva
Livrarias Curitiba


 
   Oscar Wilde
 
Edição Comentada Bilíngue de Luxo em Capa Dura

ISBN 978-85-8070-045-9

Tamanho: 16cmx23cm

Páginas: 224   /   Peso: 415g

Preço da Capa:  R$35,00

Selo: Editora Landmark