O Agente Secreto: The Secret Agent
O Agente Secreto: The Secret Agent
Autor
Joseph Conrad
Tradução e notas
Eduardo Furtado
Adaptação
Rodrigo Fragelli
Ilustrador
***************
Idioma
Português-Inglês
Lançamento
01/2010
Acabamento
Brochura
Formato
16cm x 23cm
Páginas
306
Peso
440 g
ISBN - Livros
ISBN 9788588781474
ISBN - Digital
ISBN 9788588781559
Compre Agora

Versão Física

Versão digital
Sinopse
O AGENTE SECRETO é um romance que pode parecer apenas um thriller de espionagem, mas, pelo contrário, é uma análise aprofundada e um retrato da impotência relativa da maioria das mulheres na sociedade britânica nos últimos anos do século XIX. Joseph Conrad não prega, não defende, mas deixa o leitor tirar as conclusões que são pertinentes para cada pessoa. Esta é uma das suas obras mais escuras e misteriosas que capta com humor, ironia e mistério todo o ambiente social e político da Inglaterra vitoriana do final do século XIX.

O cenário é Londres; o crime, um atentado. Os motivos desse crime estão longe de serem apenas o lucro fácil, a busca ou a ausência de valores.

Londres no final do século XIX é um refúgio para todos os tipos de exilados políticos. Verloc é um deles, um anarquista que passou anos sendo financiado por um governo estrangeiro em suas ações como espião, ao mesmo tempo, que presta informações à polícia metropolitana da cidade. Quando um novo embaixador é empossado, este exige que Verloc prove o seu valor, atacando alguns alvos selecionados. Sem escolha, diante de um paradoxo explorado por Conrad, Verloc inicia um movimento, que termina com um atentado, ferindo aqueles que lhe são importantes, e sendo apenas uma questão de tempo até que a polícia o encontre ou que seus “colegas” o silenciem.

Agentes secretos, policiais, diplomatas e a sociedade londrina são envolvidos na trama através de suas relações sombrias e surpreendentes. Joseph Conrad se aprofunda de um modo quase cirúrgico dentro do submundo do terrorismo e das relações sociais, demonstrando como a arte e a literatura podem detectar o futuro muito antes que a ciência social o faça e, na verdade, indica-nos que a grande vilã da história é a era moderna na qual vivemos, uma era que distorce a tudo e a todos, incluindo a política, as relações sociais e as relações familiares.

O AGENTE SECRETO serviu como base para o filme “Sabotage” (lançado no Brasil como “O Marido era o Culpado” e, mais tarde, como “Sabotagem”), de 1936, dirigido por Alfred Hitchcock, com algumas alterações quanto ao foco da ação e quanto às características de algumas personagens; é um dos últimos filmes da fase inglesa de Hithcock, sendo que o diretor retornaria ao tema de crimes, conspirações e atentados mais tarde em produções como “O Homem que Sabia Demais”, “Intriga Internacional” e “Correspondente Estrangeiro”.

Conheça mais sobre Joseph Conrad


(1857-1924)

Joseph Conrad, cujo nome de batismo era Józef Teodor Nałecz Korzeniowski, foi um escritor britânico de origem polaca, nascido em 1857. Já ao longo da sua adolescência, iniciou uma longa carreira como marinheiro. Aos 21 anos tinha aprendido inglês, língua na qual mais tarde escreveu com excelência. Conseguiu, depois de várias tentativas, passar no exame de capitão, vivendo uma vida cheia de aventuras e obtendo a nacionalidade britânica em 1884.

Publicou o seu primeiro livro aos 38 anos, quando reformou-se da Marinha. Em 1902, publicou o romance CORAÇÃO DAS TREVAS, no qual narra o drama da destruição moral da Europa colonialista.

É considerado um dos maiores estilistas da prosa inglesa. Entre o seus principais livros estão: LORDE JIM (1900), NOSTROMO (1904), O AGENTE SECRETO (1907) e SOB OS OLHOS OCIDENTAIS (1911).

Viveu a maior parte de sua vida como escritor em Londres e, posteriormente, perto de Kent, onde veio a falecer aos 67 anos, em 3 de agosto de 1924, vitimado por um ataque cardíaco.



Do mesmo autor



EDITORA LANDMARK LTDA.
Rua Alfredo Pujol, 285 - 12º andar - Santana - 02017-010 – São Paulo - SP - Brasil
Tel.: +55 (11) 2711 2566 / 2950 9095

[email protected]